panelarrow

Bomba Nuclear - O que são as bombas atômicas? Quais os efeitos e como ela funciona?


Bomba nuclear ou bomba atômica é uma arma que possui um alto poder de destruição.  Foi inventada por volta da década de 40, no período da Segunda Guerra Mundial.

O desenvolvimento da bomba atômica durante a segunda guerra surgiu da necessidade da construção de novas armas de combate. Desta forma, a partir das teorias de Albert Einstein, os cientistas passaram a realizar pesquisas sobre o átomo.

Os primeiros testes da bomba foram realizados nos Estados Unidos no deserto do Novo México. Ao obterem sucesso nos testes os americanos decidiram utilizar a bomba como arma de guerra.

A bomba atômica foi utilizada pela primeira vez na história no dia 6 e 9 de agosto de 1945, quando os Estados Unidos jogaram uma bomba na cidade japonesa de Hiroshima e outra em Nagasaki, respectivamente.

Os dois ataques mataram aproximadamente duzentas mil pessoas inicialmente, porém diversas outras morrem depois, além de desenvolveram doenças graves e vários tipos de câncer por casa da radiação liberada pela bomba.

Quais os efeitos e como ela funciona?

A bomba atômica é criada a partir de reações nucleares que liberam uma grande quantidade de energia que resulta em uma gigantesca explosão. Essa explosão libera uma grande quantidade de calor e radiação, uma combinação extremamente destrutiva.

As reações nucleares que resultam na explosão de uma bomba nuclear são chamadas de fissão e fusão nuclear.

A fissão nuclear consiste em um processo de decomposição de um núcleo pesado em dois outros núcleos de massa e número atômico aproximadamente igual à metade do núcleo original. Os átomos iniciais nos processos de fissão nuclear são o urânio 235 e o plutônio.

Já a fusão nuclear é o inverso da fissão, neste processo dois núcleos leves se unem para formar um átomo mais pesado. A eficiência energética das reações de fusão é muito maior que a das reações de fissão.