panelarrow

Funções inorgânicas - Como funcionam?

A química inorgânica se preocupa com as propriedades e comportamento dos compostos inorgânicos, que incluem metais, minerais e compostos organometálicos. Enquanto química orgânica é definida como o estudo de compostos contendo carbono e química inorgânica é o estudo do subconjunto restante de compostos que não compostos orgânicos, há sobreposição entre os dois campos (como compostos organometálicos, que geralmente contêm um metal ou metaloide ligado diretamente ao carbono), sendo assim, podemos dizer que, ela abrange estudos fundamentais das propriedades e reatividades de quase todos os elementos, e os papéis dos metais em sistemas biológicos. Os compostos inorgânicos são utilizados como catalisadores, pigmentos, revestimentos, tensoativos, medicamentos, combustíveis e muito mais. Eles muitas vezes têm altos pontos de fusão e propriedades específicas de condutividade elétrica alta ou baixa, que os tornam úteis para fins específicos.

Tem impacto em diversas tecnologias, desde:

·         Catálise e síntese de novos materiais
·         Concepção de medicamentos e fabrico de sensores
·         Síntese de novos compostos de boro e carborano para o tratamento do cancro
·         Exploração de novos complexos organometálicos para síntese e catálise

Estão também sendo desenvolvidas vias inovadoras de baixa pressão e baixa temperatura para a obtenção de materiais cerâmicos de alta pureza. Novos tipos de monocamadores, películas finas e membranas de polímeros estão sendo fabricados e caracterizados para uso em eletrônicos, sensores e separações.

 A investigação sobre as funções dos complexos metálicos em sistemas biológicos estão fornecendo novos conhecimentos sobre processos e estratégias de doenças para tratamentos e curas. Da síntese à fabricação, da nanoscale aos organismos vivos, a pesquisa inorgânica na UCLA combina amplitude e inovação.

Os compostos inorgânicos são utilizados como catalisadores, pigmentos, revestimentos, tensoativos, medicamentos, combustíveis e muito mais. Eles muitas vezes têm altos pontos de fusão e propriedades específicas de condutividade elétrica alta ou baixa, que os tornam úteis para fins específicos.